Novos atletas do peso mosca são adicionados à equipe

No Rio, eles buscam mais oportunidades para crescer no MMA

Eles vieram de longe, mais de 1.800 km. Na mala, um único objetivo, a vitória. Khaoe Espíndola e Elvis Silva se juntaram em 2015 ao time esportivo da Renovação Fight Team em busca de um novo patamar em suas carreiras. Além da mudança na rotina de treinamento, eles terão de se adaptar à sua nova divisão de peso — o mosca.

São novos talentos que somam força ao time que neste ano completa 14 anos de fundação. “A RFT não para e estamos sempre abertos para dar oportunidades a quem não tem oportunidades. Khaoe e Elvis tem 24, 25 anos mas uma caminhada importante pelo MMA. Vamos lapidar e ajustar o que preciso. A nossa parte faremos como sempre, só é preciso a vontade de vencer de cada um deles para isso funcionar”, aponta o head coach Marcio Cromado.

elvis_khaoe

Além da mudança de estado, os lutadores estão em transição de categoria para o peso mosca. Sob os olhares atentos do head coach, a orientação foi clara. Ritmo forte de treino e corte de peso. O próprio peso em off já caiu em relação ao habitual das rotinas das cidades natais.

Com novo ritmo de treinos, Elvis mira o peso mosca

elvis_treino

O capixaba Elvis fazendo luva no CT da RFT

O carateca Elvis Silva veio de Cachoeiro de Itapemirim, distante 400 km do Rio de Janeiro. Desde os primeiros anos de vida, já acompanhava o pai, seo Sebastião da Silva, o Tião Caratê, nas competições locais e criou admiração pela arte marcial. Apesar de contar com a referência dentro de casa, teve de driblar o conservadorismo de seo Tião para buscar novos treinos como Jiu-Jitsu e Luta-Livre. Com o professor Luciano “Olho de Tigre”, desenvolveu habilidades no Boxe.

Em 2012 iniciou no MMA e fez nove combates profissionais, acumulando 6 vitórias. Na mudança, ele teve de suar a camisa para se adaptar. “Senti a diferença dos treinos do meu estado para o Rio. Eu não consegui fazer força com os penas da RFT, que é minha categoria. O nível de treinamento da equipe é muito forte. Sei que é uma equipe grande, presta todo o suporte e encontrei meu lugar”, conta. O capixaba tem como ídolos Lyoto Machida e Anderson Silva e sonha com um contrato em organizações internacionais.

Da filial para a matriz, Khaoe é talento exportado

khaoe_tko

Estilo agressivo dentro do cage é marca de Khaoe

Descoberto em uma unidade da RFT no Mato Grosso do Sul, Khaoe Espíndola entrou o ano de 2015 de vida nova. Apaixonado por lutas e praticante de Kung Fu, o atleta possui um talento explosivo. Em sete lutas no MMA profissional, coleciona 3 nocautes e 2 finalizações. Metade das vitórias ainda no primeiro round.

A única mancha no cartel do sul-matogrossense foi justamente uma finalização do atleta da RFT Wall dos Santos em 2011. “Sempre admirei a liderança e o jeito do Mestre Cromado. Na minha primeira luta perdi para um atleta daqui e decidi procurar o professor Carlos André [Marinho] pra aprender a treinar. Pesquisei muito e descobri que a equipe era muito séria, era o que eu precisava”, lembra. Desde então o jovem de 24 anos vem evoluindo e conquistando novos degraus.

No dia 11 de abril, Khaoe fará sua estreia em novo peso, o mosca, e sob contrato com a RFT Brasil. A expectativa é grande.

Posted in: